aretha Nenhum Comentário

Para ler o Resumo Executivo completo, clique aqui

Uma pesquisa do DataFolha, publicada no início de dezembro de 2016, não deixa dúvidas: a saúde segue como a grande preocupação da maior parte da população brasileira. Isso mesmo em um ano marcado por muita turbulência no campo político e por um agravamento acentuado no cenário econômico. Ainda assim, para 33% dos brasileiros, a assistência médica é a grande falha do país. A necessidade de enfrentarmos o problema, de maneira coordenada e eficiente, uniu a cadeia produtiva do setor em torno do Instituto Coalizão Saúde.

Durante o ano de 2016, o ICOS ganhou força, agregou lideranças e mostrou que, apesar de eventuais divergências, é possível, sim, criar uma agenda para todo o sistema de saúde, coordenando ações dos setores público e privado e, mais importante que tudo, caminhando para atender os anseios de acesso a uma saúde de qualidade que nossa população exige e merece.

Em nosso relatório de gestão, vocês encontrarão as principais ações realizadas pelo Instituto Coalizão Saúde ao longo do ano, as parcerias feitas e as articulações junto às principais lideranças políticas e da sociedade civil. Nesse sentido, cabe destacar o projeto “Coalizão Saúde Brasil – Uma agenda para transformar o Sistema de Saúde” que, em um trabalho conjunto, com altíssimo grau de comprometimento, definiu uma agenda e os próximos pontos de ataque para a reformulação do setor.

Não queremos ser, somente, um espaço rico de debate. Queremos transformar este potencial em ação e efetivamente ajudar a reconstrução do sistema. Iniciamos um caminho e o trilhamos com consistência e união. Mas há muito ainda a ser feito. O sucesso de nossas ações em 2016 mostra que, com o Instituto Coalização Saúde, estamos diante de uma oportunidade única. Convido todos a seguirem nesta jornada conosco, redobrando os esforços em nome de um sistema melhor e mais acessível para a nossa população.

 

Claudio Lottenberg, presidente do Instituto Coalizão Saúde